E A VITÓRIA FOI DA SUZUKI ECSTAR NO CIRCUITO DE SILVERSTONE!

E A VITÓRIA FOI DA SUZUKI ECSTAR NO CIRCUITO DE SILVERSTONE!

Álex Rins superou o líder do campeonato na última curva da última volta e garantiu a vitória nessa prova extremamente emocionante. A rainha das pistas GSX-RR estava praticamente em casa: na terra da rainha, e se mostrou bem mais equilibrada na reta final da corrida, o que permitiu que Rins entrasse mais inteiro na curva e conseguisse a ultrapassagem, chegando à frente por apenas meia roda (+0.013s).

O duelo entre os dois espanhóis se deu durante toda a prova, mas Márquez parecia bem consolidado na primeira posição. Rins atacou diversas vezes, em algumas até conseguiu a ultrapassagem, mas não conseguia manter a liderança. Conforme o fim da corrida se aproximava, a Suzuki apresentou melhor desempenho, pois teve menor desgaste, isso foi crucial para a arrancada na última curva que resultou na ultrapassagem e vitória de Álex Rins, a segunda do piloto na temporada.

Depois da prova, Rins deu declaração à imprensa:

Foi inacreditável. Ganhei em Austin, batendo o Valentino[Rossi]. E agora ganhei aqui, batendo o Marc. Estes pilotos são muito rápidos e são lendas do esporte. Sabia que seria difícil bater o Marc, mas quis mesmo tentar, e foi fantástico fazê-lo”.

Em alguns setores ele era mais rápido, mas consegui recuperar em algumas outras áreas. Mas na parte final da corrida senti que tinha um ritmo melhor do que ele e disse para mim mesmo que tinha de tentar e aproveitar a chance. Vi a oportunidade e fiz isto acontecer. Um grande obrigado a todos da equipe!

Com este resultado, Rins continuou na 3ª posição no campeonato com 149 pontos, mas conseguiu diminuir a diferença para Dovizioso, que abandonou a prova após um acidente grave logo na primeira curva após a largada. O francês Fabio Quartararo se desequilibrou e caiu na pista, Dovizioso vinha e alta velocidade e não teve tempo de desviar, indo também ao chão, o impacto deixou sua moto em chamas. Felizmente os dois pilotos passam bem.

O outro piloto da equipe Suzuki, Sylvain Guintoli (que substituiu Joan Mir que ainda não se recuperou 100% do acidente no GP da Tchéquia), chegou na 12ª posição. Ele também falou com a imprensa:

“A corrida foi boa para mim, eu tinha um ritmo forte, especialmente no final. Eu esperava poder marcar pontos, mas não esperava tantos e um 12º lugar. É fantástico que Alex coloque a moto no degrau mais alto, a equipe realmente merece e isso mostra o quanto de trabalho e compromisso eles estão colocando o tempo todo. Que ótimo final de semana. ”

Campeonato Mundial de MotoGP Classificação:
1. Marc MARQUEZ Honda 250
2. Andrea DOVIZIOSO Ducati 172
3. Alex RINS Suzuki 149 
4. Danilo PETRUCCI Ducati 145
5. Maverick VIÑALES Yamaha 118
6. Yamaha Valentino ROSSI 116
7. Jack MILLER Ducati 94
8. Fabio QUARTARARO Yamaha 92
9. CAL CRUTCHLOW Honda 88
10. Franco MORBIDELLI Yamaha 69
11. Pol ESPARGARO KTM 68
12. Takaaki NAKAGAMI Honda 62
13. Joan MIR Suzuki 39
14. Aleix ESPARGARO Aprilia 33
15. Francesco BAGNAIA Ducati 29
16. Andrea IANNONE Aprilia 27
17. Miguel OLIVEIRA KTM 26
18. Johann ZARCO KTM 22
19. Jorge LORENZO Honda 21
20. Stefan BRADL Honda 16
21. Tito RABAT Ducati 14
22. Michele PIRRO Ducati 9
23. Sylvain GUINTOLI Suzuki 7
24. Hafizh SYAHRIN KTM 6
25. Karel ABRAHAM Ducati 5
26. Bradley SMITH Aprilia


Casarini Motos
Avenida Miguel Stefano, 4941
Enseada - Guarujá, SP
Tel.: (13) 3351.1521